A CHEGADA DE LAMPIÃO NO INFERNO.

A peça teatral A CHEGADA DE LAMPIÃO NO INFERNO, de Antônio Alexandre de Souza, com Direção de Anildomá Willans de Souza, foi inspirada no cordel homônimo de José Pacheco. A história tem inicio com Lampião ainda na terra, falando de sua origem e como começou a vida no cangaço. Socorre uma viúva que foi vitima da polícia, briga com um soldado da volante e por fim, é fuzilado. Ao chegar ao Inferno tem o primeiro confronto com o Cão Coxo, depois uma refrega com uma tropa de diabos, mantendo uma peleja de perguntas e respostas com o Diabo Rei. Lampião descobre que o Inferno é melhor que a atual situação do Brasil, faltando, apenas, eleições diretas. Lampião candidata-se e é eleito. Porém, Padre Cícero intervém na situação e muda o rumo da história.

É um texto em versos, estilo cordel, com cunho social.

ELENCO

Karl Marx será Lampião. Zé Caveira será Sandino Lamarca. A Viúva será interpretada por Gorete Lima. Cão Coxo vai ser Emanuel Carvalho. O Diabo Rei será interpretado por Gildo Alves. A Trepadeira vai ser vivida por Bruno Vasco. E os demais cães: Laisa Magalhães, Otávio Alexandre, Gil Silva, Diego Adones, Luíza Moura, Suzane Stéfany, Gorete Lima e Sandino Lamarca. O cenário foi feito por Aluizio Fernã. A trilha da peça e de Kleber Gomes e Karl Marx. E a produção é da Fundação Cultural Cabras de Lampião.

SERVIÇO

Dia 13 de janeiro de 2022.
Às 20 horas.
Teatro Santa Isabel.
Recife.